Se você sempre sonhou em viajar para uma estação de esqui na França, vale a pena conhecer Serre Chevalier, a maior área esquiável dos Alpes do Sul. Localizada nas proximidades do Parque Nacional dos Écrins, a estância tem uma atmosfera amigável, boa gastronomia, pistas diversificadas e uma variedade de atividades para se divertir com a família e os amigos. Para inspirar o seu próximo roteiro na neve, reunimos abaixo as melhores dicas sobre “Serre Che”. Acompanhe!

Serre Chevalier é o paraíso do esqui para todos os níveis de experiência

Conhecido por sua vasta área de esqui e clima agradável (são cerca de 300 dias de sol ao ano!), o vale de Serre Chevalier – também chamado de vale da Guisane – é um ótimo lugar para praticar esportes de inverno. O destino, na verdade, engloba uma dezena de cidades e vilarejos charmosos, com destaque para Briançon, Chantemerle, Le Monêtier-les-Bains e Villeneuve.

No total, a área oferece 250 km de pistas bem cuidadas, sendo 80% delas acima de 2.000 m de altitude. Isso quer dizer que você pode desfrutar de excelentes terrenos em um ambiente de alta montanha. Além disso, Serre Chevalier possui uma das redes de produção de neve mais extensas da Europa para garantir as melhores condições de esqui durante toda a temporada.

A variedade de pistas acima das quatro aldeias principais é excelente, principalmente para intermediários que podem aproveitar uma vasta gama de pistas vermelhas e azuis. Mas caso seja a sua primeira vez na neve, há ótimas áreas para iniciantes em todos os setores. Geralmente as pistas fáceis não têm aglomerações, o que dá aos aprendizes um amplo espaço para praticar.

Já os esquiadores experientes encontram condições de neve consistentemente boas em altitudes mais elevadas e muitas pistas pretas e desafios fora de pista, especialmente acima de Le Monêtier e Villeneuve. A pista Luc Alphand, uma homenagem ao campeão mundial de esqui nascido em Briançon, é uma das preferidas.

Descubra outros esportes de inverno em Serre Chevalier

Além de oferecer uma ótima experiência de esqui para você e sua família, Serre Chevalier reúne muitos outros esportes da neve divertidos e emocionantes. Dá para patinar no gelo, desbravar a natureza com a caminhada nórdica, experimentar o snowkiting ou, então, disputar uma corrida de kart de montanha.

Outro programa imperdível é o esqui cross country. São 32 km de trilhas, a maioria delas no vale que liga a maioria das aldeias da região. Circuitos para todos os os níveis e técnicas seguem os prados e bosques do vale do rio Guisane. Para quem nunca praticou a modalidade, há uma pista fácil de 2 km: Les Albeyres.

Já os fãs de snowboard contam com uma zona dedicada ao estilo livre, localizada na área de esqui próxima a Villeneuve (VideoZone) e dividida de acordo com o nível de especialização. Há também uma zona de boardercross em Chantemerle com curvas inclinadas e módulos perfeitos para os viciados em slalom.

Onde se hospedar em Serre Chevalier?

Em Serre Chevalier, a maioria das acomodações consiste em pequenos chalés tradicionais, apartamentos e hotéis de administração familiar. No entanto, para quem prefere instalações mais confortáveis e facilidades para praticar esportes de inverno, o Club Med Serre-Chevalier se mostra como uma excelente opção. Geralmente é a escolha número 1 dos viajantes brasileiros.

A vantagem é que o pacote All Inclusive do resort já engloba todas as refeições – do café da manhã ao jantar –, bebidas, lanches, além das aulas de esqui e snowboard para todos os níveis, entretenimento noturno e passes de teleférico. As crianças são tratadas como realeza; eles têm quartos amplos interconectados com os dos pais, restaurante próprio, um jardim de neve e supervisão de qualidade nos clubes infantis.

A gastronomia em Serre Chevalier

Ótimos restaurantes podem ser encontrados em Briançon e nas aldeias vizinhas, proporcionando aos visitantes uma variedade de opções gastronômicas que se encaixam em todos os gostos e orçamentos.

A maioria dos estabelecimentos são tradicionais e servem especialidades da gastronomia dos Alpes franceses, como a tartiflette. Mas também existem pizzarias, creperias, restaurantes de frutos do mar, pâtisseries, boulangeries e locais especializados em comida vegana e vegetariana.

Après-ski e vida noturna

Serre Chevalier não é um destino festeiro. Se você está procurando uma vida noturna ininterrupta nesta parte da França, é melhor visitar as estações de Les Deux Alpes de Alpe d’Huez. A cena après-ski de “Serre Che” se resume a cerca de 30 bares locais e alguns points para dançar.

Briançon tem a maior escolha de bares, enquanto Villeneuve tem o cenário pós-esqui mais animado e é o lar da melhor casa noturna da região: La Baïta. Veja outras dicas de lugares para se divertir:

  • Briançon: Salon, Duo e Spirit Bar
  • Chantemerle: Extreme Bar, The Saloon e O’Sullivans
  • Villeneuve: La Grotte du Yeti, Le Frog, LB Bar e Le Mojo
  • Monêtier: l’Alpen e Rif Blanc

Mas se a ideia é relaxar após um dia de aventuras nas pistas, Les Grands Bains du Monêtier possui piscinas termais internas e externas, saunas, salas de vapor, salas de tratamento e todos os tipos de extras imaginativos, como uma piscina com música subaquática.

Serre Chevalier também tem ótimos passeios culturais

Serre Chevalier é um dos poucos destinos da França que combinam uma fantástica experiência de esqui e um patrimônio cultural excepcional. Cada vila tem seu próprio centro histórico com construções antigas e ruelas charmosas.

Briançon, a maior ville de Serre Chevalier, é famosa pelas fortificações Vauban, listadas como Patrimônio Mundial pela UNESCO. A cidade murada pode ser vista a partir das pistas de esqui do setor Prorel ou visitada durante uma caminhada com raquetes de neve.

Passeie por ruas repletas de flores com fachadas multicoloridas, relógios de sol, fontes, afrescos e portas de madeira esculpidas. Ao caminhar pela Grande Rue, a artéria central da cidade velha, cada detalhe vira uma foto nova para postar nas redes sociais.

Na Place d’Armes, uma boa dica é fazer uma pausa para o café em uma das inúmeras esplanadas da área, antes de visitar as antigas prisões do Palais de Justice – agora um centro de arte contemporânea.

Raio x da estação de Serre Chevalier

  • Domínio de esqui: Grande Galaxie
  • Temperatura na temporada de neve: -2° / 7° (dezembro), -2° / 8° (janeiro), -2° / 10° (fevereiro), 1° / 14° (março), 3° / 16° (abril)
  • Quantidade de pistas: 250 km
  • Número de pistas: 81 (total): 13 verdes, 26 azuis, 29 vermelhas e 13 pretas
  • Meios de elevação: 59
  • Altitude máx: 2800 m
  • Altitude mín: 1200 m
  • Altitude Resort: 1200 m
  • Como chegar: é possível chegar a Serre Chevalier a partir dos aeroportos de Turim, Grenoble e Lyon. Os traslados privados a partir de Turim (2h de viagem) são os mais convenientes. Alugar um carro pode ser útil se você planeja visitar outros destinos da região. Há também uma estação ferroviária em Briançon com ligação direta a Paris (incluindo um serviço de trem noturno), Grenoble, Lyon e Amsterdã.

Outros artigos que podem te interessar

Resorts recomendados